Esculpindo o rosto com a Lipoaspiração Facial

Postado em nariz por Plástica Montenegro

Por Claudia Ideguchi

Jornalista

A evolução da medicina associada ao descobrimento de novas tecnologias permite que a cirurgia plástica ouse chegar a partes do corpo ultra delicadas, como o rosto, por exemplo. As gordurinhas indesejáveis que acabam se acumulando com o passar do tempo na face agora tem tratamento: lipo facial.

A lipoaspiração facial tem por finalidade alterar a distribuição da gordura e melhorar os contornos da face. São realizadas microlipoaspirações de áreas com maior concentração de gordura e uma redistribuição da mesma nas depressões do rosto, como se fosse uma lipoescultura.

O desenvolvimento de cânulas extremamente pequenas, que alcançam locais distantes, garante que a lipoaspiração facial seja bem sucedida, com índice de risco baixíssimo e cicatrizes imperceptíveis. Com o uso de anestesia local ou geral, a cirurgia dura em média uma hora e a alta é dada ou no mesmo dia ou no dia seguinte.

O pós-operatório da lipoaspiração facial pode ser um pouco dolorido, mas como precaução o cirurgião receita analgésico e antiinflamatório. Para que a cirurgia tenha ainda melhores resultados indica-se a drenagem linfática, que diminui o inchaço e o desconforto no pós. Ela deve ser iniciada mais ou menos no quinto dia após a lipoaspiração facial, com no mínimo de 10 sessões em dias alternados, o que reduz a incidência de fibrose.

É altamente recomendado o uso de protetor solar durante o pós-operatório a fim de proporcionar cicatrizes de alta qualidade. O ultrassom também é indicado para melhorar cicatrização, pois ele acelera a diminuição do inchaço e ondulações eventuais, além de ter uma ação antiinflamatória.

Rinoplastia do ponto de vista estético

Postado em nariz por Plástica Montenegro

Por Claudia Ideguchi

Jornalista

 

O nariz está inserido em um contexto de proporções faciais, o seu tamanho deve ser proporcional às dimensões do rosto e as partes nasais devem ser proporcionais ao tamanho desse nariz. Além das relações de proporção e harmonia, devem ser levadas em conta as características raciais do paciente. É importante salientar que não é possível construir um nariz exatamente do jeito que o paciente quer, pois cada pessoa tem uma limitação para que ao final o resultado fique natural.

O cirurgião plástico tem papel fundamental para que esse equilíbrio natural da face seja respeitado. A visão estética do cirurgião está relacionada a 60% do resultado da rinoplastia, enquanto os outros 40% estão ligados a técnica em si. Isso acontece porque se altera toda a estrutura do nariz, então cada modificação deve ser muito bem avaliada.

Além da experiência adquirida ao longo dos anos de atuação como cirurgião plástico, o médico utiliza alguns recursos de estudo realizados em outras áreas da ciência. Um dele é a matemática. Por volta do final do século 12, o matemático Leonardo Pisani, também chamado de Fibonacci, encontrou uma constante matemática que aparece em todas as estruturas da natureza desde animais até plantas e no DNA humano. Todas as medidas têm uma ligação entre si e formam um equilíbrio estético. Essa constante representa a perfeição proporcional, chamada de proporção áurea, e foi usada pelos maiores gênios nas artes e arquitetura.

O médico especialista, que tem conhecimento dessa ferramenta matemática, consegue calcular as dimensões exatas do nariz, para que fique em total acordo com o resto do rosto do paciente. O bom-senso e a sensibilidade do cirurgião também contam e muito para o resultado final satisfatório.

Desvio de septo causa distúrbios respiratórios e constrangimentos estéticos

Postado em nariz por Plástica Montenegro

 

O septo nasal é a parede que separa o lado esquerdo do lado direito do nariz, sendo o ideal localizar-se no meio, de forma que os lados do nariz sejam iguais.

Esse desvio desalinha o nariz, além de alterar o padrão de corrente de ar, podendo bloquear o lado estreitado. As causas do desvio de septo podem ser durante a formação do nariz na gestação, uma lesão nasal durante o parto ou com o avançar da idade podem ocorrer traumas e contusões que colocam o septo do nariz fora do lugar.

Em alguns casos, a abertura dos seios paranasais pode facilitar problemas como a sinusite, pele interna do nariz seca e rachada provocando hemorragias nasais frequentes.

Um paciente com este desvio não tem uma adequada ventilação nasal, o que acaba por ocasionar outro problema: respirar pela boca. Ele acaba por inalar um ar não filtrado, nem aquecido e nem umidificado, o que diminui sua resistência ocasionando infecções respiratórias.

Ainda podem ocorrer infecções nos seios paranasais, dor facial, cefaleia, obstrução nasal, predisposição a rinites e sinusites, respiração ruidosa durante o sono, principalmente em crianças e bebês, respiração bucal frequente, cansaço, dificuldades para dormir e roncos.

O diagnostico é simples, por meio de um bate-papo com o médico e um exame clínico avaliando a posição do septo nasal.

O tratamento mais eficaz para a problemática é a cirurgia septoplastia, em que o médico mobilizará o septo nasal para uma posição normal. Em alguns casos é necessário corrigir também a aparência externa do nariz em um procedimento chamado Rinoplastia.

Na maioria dos casos já é possível realizar a Septoplastia sem o incômodo dos tampões nasais, já que a técnica cirúrgica evoluiu minimizando o sangramento intra e pós-operatório. Este último é tranquilo e não costuma apresentar cicatriz externa. É recomendado apenas que o paciente evite exposição ao sol e esforço físico exagerado.

Rinoplastia

Postado em nariz por Plástica Montenegro

<!–[if gte mso 10]–>

Por Marina Sartori

Jornalista

O nariz é o elemento central que garante a harmonia da face de qualquer pessoa, e que influencia diretamente na simetria e na beleza do rosto. Ele define o perfil e dá as principais características à chamada personalidade estética: delicada, grosseira, redonda, forte, esguia, etc. Até porque, os traços do rosto acompanham a genética de etnias e raças.

A mais antiga das cirurgias plásticas é justamente a que corrige deformidades decorridas de acidentes ou má-formação do nariz. No século XV, a cirurgia plástica começou a evoluir novamente após séculos estagnada, com os estudos de Heinrich von Pfolspeundt, que conseguiu realizar a reconstrução completa do nariz, utilizando a pele em excesso do braço.

A Rinoplastia foi, então, a mãe da cirurgia plástica reconstrutora, ganhando enorme repercussão na Europa do século XVIII. Inúmeros combatentes de guerra se submeteram à cirurgia para melhorar a aparência de seus narizes, que sofreram impactos na luta armada.

Hoje, a importância da cirurgia plástica de nariz se deve à grande satisfação dos pacientes que se submetem a ela. Porque, apesar de ser uma estrutura pequena em relação a outros órgãos, o nariz tem importância fundamental. São as narinas que filtram partículas poluentes, umidificam e aquecem o ar que respiramos, funções vitais do organismo. Por isso, de nada adianta ter um nariz bonito com defasagem dessas funções, assim como o inverso pode incomodar tanta gente. Mas técnicas de rinoplastia permitem que essa estrutura tão complexa de cartilagens, ossos e mucosa, seja operada com precisão, apesar de ser uma cirurgia extremamente delicada.

Esta cirurgia praticamente não deixa cicatrizes aparentes, já que os cortes necessários para a cirurgia são feitos dentro das narinas ou nos sulcos. Nos casos em que há correção das asas nasais, as incisões são feitas exatamente sobre os sulcos, o que pode deixar uma leve cicatriz, na qual, na maioria das vezes, desaparece com o passar das semanas.

Para saber mais ou marcar uma consulta, acesse Montenegro Cirurgia Plástica.<–>

Rinoplastia associada ao Desvio de Septo

Postado em nariz por Plástica Montenegro

<!–[if gte mso 10]–>

Por Marina Sartori

Jornalista

A cirurgia de correção do desvio do septo nasal é frequentemente associada à Rinoplastia, correção estética do nariz. Inúmeros são os motivos, mas o principal se relaciona à possibilidade de unir a necessidade de obter uma respiração à vontade pessoal de harmonizar o nariz com o restante do rosto, em busca da beleza.

O Septo Nasal é a estrutura delicada que separa uma narina da outra. Formado por ossos na parte posterior e cartilagem na anterior, é revestido pela mucosa nasal, mesmo tecido do interior de todo o nariz. Naturalmente, o septo de 80% das pessoas tem um leve desvio, quando deveria se localizar centralmente, de modo que os dois lados do nariz sejam simétricos. Entretanto, em alguns casos, esse desvio é extremamente notável, gerando o chamado Desvio de Septo. Nessas situações, a diferença de tamanho entre as narinas revela uma alteração do padrão de corrente de ar na respiração, o que pode gerar infecções (sinusite) e hemorragias frequentes.

A correção do desvio é feita por meio de uma cirurgia de curta duração, cuja alta é no mesmo dia. Muitas pessoas aproveitam o ato cirúrgico para realizar uma Rinoplastia, cirurgia plástica de nariz, evitando passar por dois procedimentos e, consequentemente, dois períodos pós-operatórios, que podem ser desconfortáveis. Escolha muito bem feita e plausível.

A Rinoplastia visa corrigir esteticamente toda a estrutura nasal, a fim de que se estabeleça um equilíbrio com as outras estruturas da face, criando simetria e harmonia, que resulta em uma aparência muito mais bonita.

A cirurgia praticamente não deixa cicatrizes aparentes, já que os cortes necessários para a cirurgia são feitos dentro das narinas ou nos sulcos. Nos casos em que há correção das asas nasais, as incisões são feitas exatamente sobre os sulcos, o que pode deixar uma leve cicatriz, na qual, na maioria das vezes, desaparece com o passar das semanas.

A cirurgia plástica do nariz, associada à correção do desvio de septo, dura cerca de duas horas e o paciente poderá deixar a clínica após 12 horas. O resultado da cirurgia plástica é definitivo. Mas o nariz não ficará imune às mudanças naturais do corpo e de sua morfologia. A partir dos 50 anos, mais ou menos, ocorrem transformações da qualidade da pele de qualquer pessoa, ela perde a rigidez, o corpo já não produz tanto colágeno como antes, e o nariz acompanha esse processo.

Para saber mais ou marcar uma consulta, acesse Montenegro Cirurgia Plástica.<–>



Cirurgia Plástica | Prótese de Silicone | Lipoaspiração | Clínica de Cirurgia Plástica