Drenagem Linfática

Postado em Dermatologia Cosmiátrica by Plástica Montenegro

Por Marina Sartori

Jornalista

A drenagem linfática é um tipo de massagem desenvolvido para auxiliar o funcionamento de nosso sistema linfático. Tal procedimento foi criado pelo fisioterapeuta dinamarquês Edil Vodder, na década de 1930 e começou a ser aplicada em todo o mundo. O método se mostrou de grande importância no tratamento de vários tipos de inchaços (edemas) internos e externos, causados por doenças, acidentes ou cirurgias.

Esta técnica pode ajudar o organismo quando está passando por algum processo infeccioso ou inflamatório, que são situações em que o sistema linfático deve trabalhar em boas condições. Além disso, se a circulação da linfa estiver prejudicada por algum motivo, ela acumulará resíduos, gerando inchaço e impedindo a limpeza adequada do organismo.

Portanto, toda vez que o corpo apresenta edema, a drenagem linfática é uma ótima opção. No pós-operatório de cirurgias plásticas, os traumas podem ser tratados com a drenagem linfática. Um dos casos mais conhecidos de sua aplicação bem sucedida é no pós-operatório de lipoaspirações e abdominoplastia. Nesses casos, também ajuda a evitar o desenvolvimento de fibroses e de irregularidades na pele.

Os movimentos da drenagem linfática auxiliam também a  cicatrização, além de ajudar na diminuição da retenção de líquidos. Portanto, previne e trata pacientes com celulite.

 

 

Nenhum Comentário

Nenhum comentário ainda.

Feed RSS dos comentários deste post

O formulário de comentários está fechado no momento.



Cirurgia Plástica | Prótese de Silicone | Lipoaspiração | Clínica de Cirurgia Plástica