Beleza

Plástica no verão, pode?

O verão é uma temporada bastante visada para realizar um sonho e melhorar a autoestima, isso inclui a realização de cirurgia plástica. O inverno é conhecido como melhor época pra se realizar o procedimento desejado, porém, a época das altas temperaturas também não fica de lado: é possível sim fazer aquela mamoplastia ou lipoaspiração que você tanto quer, basta redobrar os cuidados.

Cuidados

O Dr. Wagner Montenegro aconselha evitar a exposição solar até que todos os hematomas sejam reabsorvidos, evitando assim manchas ou pigmentações indesejadas. O protetor solar (FPS 60) é imprescindível em caso de exposição das regiões operadas aos raios solares, como por exemplo, o rosto, pescoço e colo. Além disso, chapéus são sempre bem-vindos em casos de cirurgias realizadas na face. Uma dica é investir em clareadores leves à base de vitamina C.

Em caso de cirurgias maiores, como a lipoaspiração, a desidratação deve ser prevenida. Procure ingerir 3 litros de água nos primeiros dias de pós-operatório para evitar a hipotensão, que pode ser potencializada pelo calor excessivo do verão.

Como se livrar de vez da papada

Você fez uma dieta balanceada e emagreceu o que precisava, mas ainda tem uma coisa que te incomoda ao olhar para o espelho: o excesso de gordura embaixo do pescoço, que parece não estar em harmonia com todo o resto do seu corpo. A verdade é que não existem muitos exercícios físicos efetivos que retiram essas “gordurinhas” do rosto, portanto, a melhor opção é a cirurgia plástica.

Mas qual?

A lipoaspiração de papada é indicada a pacientes que não se sentem confortáveis com o aspecto da região, que normalmente desenvolve uma aparência volumosa e “caída” depois de passar por processos de emagrecimento, envelhecimento ou mesmo devido à genética. O procedimento tem por objetivo aprimorar a região, deixando-a com aparência mais equilibrada.

Como é feito

A técnica pode ser dividida em etapas, conforme o volume a ser retirado. A anestesia utilizada nesse método é local e a cicatriz desse tipo de lipo não ultrapassa 3 mm. O resultado pode ser avaliado a partir do terceiro mês após o procedimento, pois o volume esperado sem inchaços já estará visível. A cirurgia dura cerca de uma hora e o pós-operatório se resume em evitar traumas na região facial ou períodos de esforço físico.

É importante ressaltar que a região tratada está sujeita aos cuidados pessoais do paciente, ou seja, com uma vida saudável e equilibrada será mais fácil manter o resultado da cirurgia.

  • dezembro-01
    Permalink Gallery

    Saiba mais sobre o Manthus, tratamento estético que reduz medidas

Saiba mais sobre o Manthus, tratamento estético que reduz medidas

Tratamentos estéticos corporais são ótimas opções pra quem quer perder medidas e, ao mesmo tempo, não deseja encarar o bisturi. Nesse post, traremos pra vocês uma técnica que está conquistando muitas mulheres: o Manthus.

O que é

Ele é um procedimento feito com ultrassom associado a um estímulo elétrico capaz de reduzir medidas e melhorar o aspecto de ondulação da pele, como celulites e estrias. O Manthus age na pele combinando correntes elétricas e eletroporação. Além disso, pode ser utilizado para tratamento pré e pós-operatório, acelerando a absorção de hematomas, e também em tratamentos fisioterápicos.

Como funciona

O ultrassom desagrupa as células adiposas fazendo com que essas partículas sejam eliminadas pela urina ou suor. As correntes polarizadas fazem com que os efeitos ocorram diretamente no centro das células de gordura.

Segundo o Dr. Wagner Montenegro, o procedimento é simples e não oferece qualquer incômodo, dores ou hematomas. Há casos que em ocorre um leve formigamento durante ou após a sessão, mas totalmente suportável.

  • novembro-05
    Permalink Gallery

    Sinta-se confiante ao mostrar as suas pernas com o lifting de coxas

Sinta-se confiante ao mostrar as suas pernas com o lifting de coxas

Ninguém merece ficar insegura na hora de sair de shorts ou saia por causa da aparência de suas pernas, e a solução para isso se chama dermolipectomia (dermo = pele; lipo = gordura; ectomia = retirada).

O procedimento

A cirurgia, também chamada de lifting de coxas, consiste na retirada de gordura e pele em excesso região das coxas. Pode ser realizada isoladamente ou associada à lipoaspiração, o que garante melhor contorno corporal. Mas atenção: ela não deve ser considerada como tratamento de obesidade, ou substituto de dietas e exercícios físicos.

Indicação

A dermolipectomia de coxas é indicada para aqueles que possuem excesso de pele nessa região e desejam ficar com as pernas mais harmônicas e esbeltas. Pessoas que sofreram grande e rápido emagrecimento, aquelas que sentem-se inseguras com o seu visual devido ao excesso de flacidez, ou que estejam em processo de envelhecimento, são pacientes com grande indicação para essa cirurgia, que é o melhor e mais efetivo caminho para deixar a paciente muito mais confortável com seu corpo.

Você sabia que existe lipoaspiração para culote?

Você passou o ano todo tentando eliminar as gordurinhas localizadas na barriga e culote e descobriu que esse tipo de gordura acumulada é muito difícil de ser queimada. Para aqueles que procuram um resultado rápido sem precisar de muito esforço, o Dr. Wagner Montenegro indica a lipoaspiração de culote.

Diferentemente do que diz o senso comum, a lipoaspiração de culote não é recomendada para grandes emagrecimentos, mas sim para a retirada de gordura localizada em excesso – até mesmo em pessoas magras.

Como funciona

A gordura localizada nos culotes fica em reservatórios separados do resto dos líquidos do corpo: ela se deposita dentro das células adiposas, que são sugadas pelas cânulas da lipoaspiração. Estes reservatórios podem alterar o formato do contorno corporal, gerando a impressão de excesso de peso. Por este motivo, um paciente, apesar de magro, pode ter depósitos de gordura em excesso em determinadas partes do corpo. Se esse é o seu caso, agende uma consulta para que o cirurgião plástico possa indicar o melhor procedimento.

  • novembro-02
    Permalink Gallery

    Saiba mais sobre o melhor tratamento para eliminação da celulite

Saiba mais sobre o melhor tratamento para eliminação da celulite

Você já sabe que entre as causas da celulite estão o acúmulo de gordura, água e toxina, que fazem as células ficarem cheias e endurecidas, deixando o local com ondulações e nódulos. Esses nódulos se manifestam externamente através dos furinhos indesejados por todas as mulheres, que sempre procuram meio de amenizar ou disfarçá-los.

Um procedimento que promete tratar a celulite é o VelaShape, que trata tanto os tecidos mais profundos quanto as camadas superiores da pele, proporcionando redução da camada de gordura e da circunferência, amenizando o aspecto da celulite. A melhor parte é que ele é um tratamento terapêutico não invasivo e confortável para a paciente.

Como funciona

Ele combina suave pressão negativa, manipulação mecânica, infravermelho e radiofrequência, proporcionando um melhor resultado para o tratamento dos temidos furinhos e remodelação corporal.

Indicações

O Dr. Wagner Montenegro recomenda que sejam realizadas 12 sessões, duas vezes por semana. O procedimento é rápido e dura cerca de 20 a 30 minutos por área. A continuação deve ser feita em seis sessões espaçadas a cada 15 dias e, após essa etapa, indica-se uma sessão a cada três meses.

Acabe com a gordura localizada com a lipocavitação

Com as altas temperaturas chegando, ninguém quer ficar com aquela “barriguinha” na hora de colocar o biquíni. Tendo isso em vista, os profissionais da Montenegro Cirurgia Plástica disponibilizaram a lipocavitação. Ficou curiosa? Calma aí que a gente já vai te explicar o que é:

Trata-se de um tratamento estético indicado para, principalmente, casos de gordura localizada. Apesar da lipocavitação não ser um tratamento para sobrepeso ou obesidade, pessoas que possuem um corpo saudável, mas estão infelizes com o shape de suas barrigas, por exemplo, podem encontrar a solução para os seus casos através desse procedimento.

Como funciona

Utiliza-se o ultrassom para reduzir a gordura, que é emitido por uma máquina e age diretamente na área de tratamento. Para que haja propagação de ultrassom é necessária a aplicação de um gel condutor sobre a pele, ocorrendo, assim, uma conversão de energia sonora em calor, para que o aparelho possa provocar o aumento da movimentação molecular.

A energia ultrassônica emitida penetra até a gordura subcutânea, gerando os adipócitos (pequenas bolhas dentro das células de gordura), causando a agitação no interior da célula e levando ao seu rompimento. No fim, a gordura se divide em ácido graxo e glicerol, sendo eliminados pelo fígado e urina, respectivamente, diminuindo as medidas e trazendo o resultado esperado pela paciente.

Bichectomia é a plástica que mais está em alta!

O Brasil é líder em procedimentos cirúrgicos estéticos. E uma cirurgia que está despontando na preferência nacional é a bichectomia. Se você acha que o seu rosto está muito “rechonchudo”, e se incomoda com o tamanho de suas bochechas, essa pode ser a solução para o seu caso.

Não precisa se assustar só porque o nome é grande! Ele se refere às bolas de Bichat, que são as bolsas de gordura que ficam na bochecha, entre a mandíbula e a maçã do rosto. Nesse procedimento, o médico faz um corte de apenas meio centímetro, na parte interna da boca, retirando o excesso de gordurinha do rosto do paciente. Quanto mais proeminente for a bochecha, mais se nota o contraste da bichectomia.

A melhor parte é que a cirurgia é rápida e não deixa cicatrizes, sem ultrapassar meia hora de duração, feita com anestesia local. O corte exige apenas 1 ponto, que sai naturalmente, tornando o pós-operatório tranquilo, não apresentando edemas ou inchaço.

Dicas para o pós-operatório: durante esse processo nota-se um leve inchaço, que pode ser aliviado com o uso de compressas frias. Apesar do corte ser interno, é necessário o uso de filtro solar no rosto. O retorno às atividades normais, em geral, demora uma semana. Tire todas as suas dúvidas durante a consulta com o cirurgião plástico.

  • outubro-03
    Permalink Gallery

    O formato ideal pra quem quer um silicone com aspecto natural

O formato ideal pra quem quer um silicone com aspecto natural

Ao escolher colocar silicone, a paciente deve realizar várias escolhas, e entre elas está o formato de sua prótese. Isso irá influenciar diretamente na aparência final e cada tipo poderá satisfazê-la de formas diferentes. As opções de modelo são o cônico, o redondo e o natural (em gota). No post de hoje iremos trazer algumas observações sobre a prótese em gota, opção para quem quer um visual mais natural nos seios.

As próteses com formato “natural” são mais utilizadas em quem já tem mamas com formas e contornos estéticos satisfatórios, e que desejam somente aumentar o tamanho de maneira proporcional. A maioria das pessoas que optam por ela é composta por mulheres jovens, com pouca sobra de pele e/ou com mamas de volume muito reduzido, com pouco tecido mamário para camuflar a prótese. Esse formato de silicone tem como característica básica a menor projeção no polo superior e maior projeção no polo inferior, ao contrário das próteses de perfil alto e extra-alto (também conhecida como cônica), onde a área central é a de maior projeção.

Entre as celebridades que usaram a prótese em gota estão Luiza Brunet, Ivete Sangalo e Grazi Massafera. Outro detalhe muito importante que deve ser levado em consideração é o tamanho do silicone. Por isso, agende já sua consulta para conferir com o cirurgião qual é a ideal para você!

  • outubro-02
    Permalink Gallery

    3 perguntas que você deve fazer antes de realizar uma cirurgia plástica

3 perguntas que você deve fazer antes de realizar uma cirurgia plástica

Antes de fazer uma cirurgia plástica é normal sentir algumas dúvidas e incertezas, afinal, estamos falando de um procedimento médico que mudará sua vida estética (para melhor). E para ajudar quem está passando por isso, selecionamos três perguntas que você deve (se) fazer antes de bater o martelo com seu cirurgião plástico.

Quais são suas razões e expectativas?

Antes de tudo pergunte a si mesma: por que quero fazer isso? O que espero com a plástica? Já tentei todas as alternativas possíveis? Tire um tempo e reflita como será sua vida após decidir o que quer fazer, assim terá expectativas mais realistas e o risco de se arrepender fica menor. O mais importante é não deixar ninguém influenciar a sua decisão, você deve escolher a plástica para o seu próprio bem estar.

Conhece bem o médico?

Sempre opte por um cirurgião com residência em cirurgia geral, especialização em plástica e reconhecido por órgãos pertinentes, como a Associação Médica Brasileira (AMB) e a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP). Marque uma avaliação e veja se confia no profissional, pesquise a clínica e pacientes que já passaram por ela e possuem alguma opinião relevante para dar. Assim você terá mais tranquilidade na hora de passar pelo procedimento, sem surpresas indesejadas.

O procedimento que você quer é o mais adequado?

Pesquise e converse bem com o médico (tome muito cuidado com a internet, pois muitas informações podem estar distorcidas) para saber o melhor jeito de alcançar o resultado sonhado. Por exemplo, se você quer tirar a pele depois que emagreceu, o procedimento é um, a abdominoplastia; se quer tirar a gordura, é outro, a lipoaspiração. Por isso, atente-se.

Dê adeus às estrias!

As estrias são cicatrizes que se formam no corpo quando há destruição de fibras colágenas e elásticas na pele, causadas normalmente por um estiramento da pele. As linhas se formam devido à diminuição da espessura da derme e da epiderme.

Apesar de geralmente não apresentarem um risco grave à saúde, muitas pessoas se incomodam com a aparência estética que as estrias proporcionam em regiões como pernas, mamas, abdômen e glúteos. Para solucionar esse problema, alguns tratamentos apresentam bastante eficácia.

Os tratamentos com as luzes azul, vermelha e infravermelha, agregados à aplicação de peelings químicos mais abrasivos, melhoram a aparência da pele – mesmo aquelas mais antigas, com tom esbranquiçado. A fotomodulação proporciona mais firmeza à pele com o estímulo à produção de colágeno, além da hidratação e clareamento da região.

Entre as técnicas citadas, uma das mais utilizadas para o combate às estrias é a luz infravermelha, que aumenta a temperatura na derme, chegando a aproximadamente 65°C, provocando desagregação e contração do colágeno, além do estímulo à produção de um novo colágeno com remodelação da pele, modificando, assim, a aparência dessas linhas indesejadas.

  • cabelo_grisalho
    Permalink Gallery

    Fios brancos e grisalhos merecem atenção: aprenda como assumir e cuidar

Fios brancos e grisalhos merecem atenção: aprenda como assumir e cuidar

O cabelo grisalho não é mais um aspecto indesejado em relação à chegada de uma idade mais avançada, pelo contrário: muitas pessoas assumem e cuidam dos cabelos brancos para tornar os fios ainda mais exuberantes. Se você tem esse desejo de assumir os fios prateados, aprenda a tratá-los:

Hidratação

A melanina interfere na elasticidade e maciez do fio, por isso o cabelo branco tende a ser mais ressecado do que os outros. Você vai precisar redobrar a atenção e investir sempre em hidratações e produtos que tenham ingredientes nutritivos na sua fórmula. Uma dica é optar pelo cronograma capilar,  uma agenda que divide, ao longo dos dias (e semanas), os tratamentos necessários ao seu cabelo, seja hidratação, nutrição, restauração. Dessa forma, a massa capilar e os nutrientes perdidos naturalmente são repostos, resultando em um cabelo bem cuidado.

Proteção do Sol

Os raios solares podem comprometer a saúde do cabelo. Os fios brancos têm a tendência a amarelar e isso pode ser potencializado pelo sol. Proteja-os com cremes termo protetores e adquira o hábito de usar chapéus, que além de tudo vão te proporcionar um visual muito estiloso.

Cuidado com os agentes externos

Evite usar com frequência o secador de cabelo, babyliss ou a chapinha. Assim, você evita a quebra do fio e os mantêm mais hidratados. Alisamentos e outros processos químicos também são prejudiciais, mas caso não consiga ficar sem essas técnicas, sempre tenha na nécessaire um kit finalizador, com reparadores de pontas.

Matização

Para evitar a cor amarelada, escolha um tonalizante que tenha o objetivo de envernizar os fios. Esses produtos não possuem amônia, e removem todo o aspecto “velho” dos fios capilares, trazendo à tona o cinza platinado, muito em alta atualmente.

Os 5 maiores erros ao retirar a maquiagem

Tirar a maquiagem é um hábito muito importante na vida de toda mulher, mas existem alguns cuidados que devem ser considerados nesse momento para que a pele fique hidratada, limpa e leve. Confira abaixo os cinco erros mais comum que as pessoas cometem ao se demaquilar:

Lavar o rosto com sabonete comum – As fórmulas específicas para o rosto são elaboradas sem detergente e com um pH fisiológico da pele (5,5), que não alteram a flora bacteriana cutânea, limpando de maneira suave e mais respeitosa. Ao usar os sabonetes para o corpo no rosto, você estará aumentando as chances de oleosidade, podendo estar mais propícia à acne. Portanto, cuidado redobrado!

Maltratar a zona dos olhos – Se você for muito descuidada e quiser ter pressa na hora de retirar a make dos olhos, perderá vários cílios. Para evitar esses danos, embeba generosamente o disco de algodão com um demaquilante específico para seu tipo de pele e cubra por alguns segundos a linha dos cílios. Ao deixar o produto “de molho”, será mais fácil remover o rímel sem precisar esfregar muito.

Usar lenços umedecidos – Por mais que eles sejam muito úteis para quando se está com pressa ou preguiça, lembre-se que os lenços demaquilantes ou de limpeza não removem toda a sujeira e a maquiagem da pele. É preciso fazer uma limpeza completa usando demaquilante e lavando o rosto. Usar esses lenços regularmente pode resultar em mais cravos e espinhas.

Secar esfregando o rosto – Depois de retirar os restos da sua loção de limpeza, seque o rosto com toques suaves, para que o algodão absorva a umidade sem precisar arrastar a toalha sobre a região, evitando assim possíveis alergias e ressecamento da pele.

Lavar o rosto com o [...]

Pratique esportes, sua pele agradece!

Se você estava pensando que praticar esportes só fazia bem pra emagrecer e tonificar os músculos, prepare-se pra se surpreender com mais um benefício que descobrimos.

Ao praticar alguma atividade física, além de contribuir para sua qualidade de vida, você está deixando a sua pele mais bonita. Como assim? Pois é! Isso acontece porque quando o corpo está em movimento, ele produz um hormônio de crescimento, que possui substâncias antienvelhecimento e acabam retardando as modificações que a pele sofre ao longo do tempo.

Se você procura nutrir melhor a sua pele, opte pelos exercícios aeróbicos, pois o oxigênio produzido ao realizá-los favorece a sua nutrição. Além disso, o suor que seu corpo produz enquanto você se exercita é seu maior aliado, já que ele ajuda a eliminar as toxinas, deixando seu rosto com aspecto muito mais saudável.

Não se esqueça que os resultados são a longo prazo e que é necessário ter muita cautela na hora da prática das atividades. Se você as realiza no sol, fique atenta: sempre use o protetor ideal para o seu tipo de pele e ao chegar em casa, retire o produto com muito cuidado. Lembre-se de utilizar um sabonete específico para o rosto:  este possui propriedades que são propícias à produção de oleosidade e acne, e isso é o que ninguém deseja pra si próprio, então dê prioridade aos sabonetes própriospara o rosto!

  • protese_silicone
    Permalink Gallery

    Prótese de silicone não prejudica processo de amamentação

Prótese de silicone não prejudica processo de amamentação

Depois que Deborah Secco afirmou não conseguir amamentar sua filha devido às suas próteses de silicone, muitas mulheres ficaram intrigadas e com dúvidas em relação ao silicone e a amamentação.Por isso, estamos aqui para tranquilizá-las e dizer que a prótese definitivamente não influencia na hora de alimentar o seu filho.

O implante de silicone é feito de um gel coeso, que não vaza nem escorre, revestido por uma outra cápsula de silicone. Quando inserido corretamente por um médico habilitado, bem treinado, e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, ficará exatamente atrás da glândula mamária ou atrás do músculo peitoral.  Essa localização não possui nenhuma influência na hora do corpo humano produzir o leite. Se a mulher tiver genética para aleitar, ela irá aleitar sem nenhuma interferência da prótese.

O tamanho dos seios também não indica se uma mulher terá menos ou mais leite. “A quantidade de leite produzida não está relacionada ao tamanho das mamas, e sim ao estímulo hormonal que a mulher terá durante a fase de gestação”, afirma o Dr. Wagner Montenegro, acrescentando que uma paciente pode amamentar normalmente seis meses depois de ter colocado a prótese de silicone, pois os ductos mamários já se adaptaram ao implante.

A única plástica de seios que deve ser pensada com maior cautela é a mamoplastia redutora, pois há um risco de diminuição de volume lácteo devido à diminuição glandular, muito comum nesse tipo de cirurgia.Mas isso será assunto para um próximo post aqui no blog, fique ligada!