protese

Quem vai fazer a cirurgia para aumentar as mamas enfrenta o dilema de escolher o tamanho das próteses de silicone. Para tomar essa decisão é fundamental uma boa conversa entre paciente e cirurgião plástico, porque a escolha deve ser feita levando em conta vários fatores, entre eles a questão estética e também as condições físicas da paciente. Tudo isso será avaliado cuidadosamente pelo médico.

Durante a consulta, o cirurgião plástico irá avaliar o que é melhor para a paciente, e um dos fatores que e leva em consideração é o grau de flacidez da pele. Uma pele que apresenta flacidez, por exemplo, pode não acomodar muito bem a prótese de silicone, caso ela seja pequena. Já uma pele com pouca elasticidade pode estirar com a prótese muito grande, provocando o aparecimento de estrias.

O cirurgião plástico também avalia o peso das próteses que serão implantadas, para evitar desconfortos e até mesmo lesões na coluna. Uma prótese muito pesada pode causar dores nas costas e até escoliose, que é um desvio na coluna. Para evitar esse problema, podem ser feitos testes com o auxílio de um sutiã sem o ferrinho de sustentação, acondicionando próteses de tamanhos diferentes até se ter uma noção do tamanho ideal e de como os seios ficarão após a plástica.

Da Redação