O evento aconteceu no Hotel Estância Atibainha, em Atibaia, no dia 21 de agosto de 2010, em meio às solenidades do Festival DeRose Culture, um dos eventos mais tradicionais do calendário de festas da cidade. Praticamente todos os 500 convidados do Dr. Wagner Montenegro propuseram-se a doar seu sangue para amostragem, e ficam assim à disposição para uma possível doação de sua medula óssea. Este ato visa beneficiar as pessoas assistidas pela Associação de Medula Óssea da Santa Casa de São Paulo (Ameo), que é uma das entidades beneficiadas pelo Projeto Bela Ação.

O jornalista Chico Pinheiro e o ator Carlos Casagrande foram os padrinhos desta campanha inédita de auxílio à Ameo, organização presidida pela Dra. Carmem Vergueiro, e é composta por pacientes, familiares de pacientes, voluntários, membros da equipe médica e de profissionais da área de saúde do Hemocentro da Santa Casa. Sua finalidade é viabilizar o transplante de medula óssea àqueles pacientes que não possuem doadores compatíveis em suas famílias. Carlos Casagrande nos conta porque pessoas de sua classe são importantes em ações como esta: “Não só da classe artística, mas as pessoas que são públicas, conhecidas, elogiadas, enfim, você acaba influenciando. Vir aqui foi até uma coincidência. Eu tenho amigos que me levaram a pensar na doação, e aí a gente começou a pesquisar e ler sobre isso, pra saber como é que funcionava a doação, como é que era. Existe ainda pouca informação sobre isso. Tanto que as pessoas confundem muito a doação da medula óssea com a de medula espinhal. É o tutano que tem dentro do osso da bacia, que é retirado para a doação. Então fui me informando sobre isso, e, coincidentemente, fui convidado pra ser padrinho desta ação, o que me deixou muito honrado”.

“Todos que estão nesse projeto são pessoas bem sucedidas em suas áreas de atuação e não estão preocupadas em autopromoção ou ganhos pessoais. O fazem com o objetivo exclusivo de ajudar o próximo”, afirma o Dr. Wagner Montenegro. Além da campanha desta data, o Projeto Bela Ação ainda busca patrocinadores que possam custear a Casa de Apoio da Ameo, para acolher os pacientes transplantados e os que ainda estejam em tratamento.

Para saber mais sobre a Ameo, confira o site: www.ameo.org.br

Confira algumas fotos: