MONTENEGRO - Cirurgia Plástica

Dermolipectomia dos braços

Lifting de braços / plástica do braço / flacidez nos braços

A dermolipectomia dos braços corrige a flacidez e o excesso de pele na região dos braços. Assim como ocorre com as pernas, o envelhecimento natural dos tecidos e as mudanças de peso também influenciam na aparência dos braços, deixando muitas mulheres inseguras na hora de usar blusas cavadas, mostrar os braços e acenar um tchau. A dermolipectomia dos braços consiste na retirada de gordura e pele em excesso da região (dermo = pele; lipo = gordura; ectomia = retirada).

O procedimento pode ser realizado isoladamente, ou associado à lipoaspiração, o que garante melhor contorno corporal. A dermolipectomia não deve ser considerada como tratamento de obesidade, ou substituto de dietas e exercícios físicos.

O pré-operatório do procedimento consiste na realização de todos os exames laboratoriais prescritos pelo médico, na suspensão de medicamentos anticoagulantes – como o ácido acetilsalicílico – e em ter usado cigarro ou consumido bebidas alcoólicas dias antes da cirurgia. Além disso, deve ser realizado jejum absoluto de sólidos e líquidos nas oito horas que antecedem o procedimento. Em caso de gripe ou mal estar, o médico deve ser avisado.

Para se obter os resultados desejados, é importante que todas as recomendações pós-operatórias sejam seguidas à risca.

A cirurgia pode levar de duas a três hora e é realizada com anestesia local com sedação ou geral, conforme a complexidade do procedimento. O tempo de internação varia de 12 a 24 horas no hospital, dependendo do tipo de anestesia utilizado.

Antes de iniciar a cirurgia, a região é devidamente limpa e as linhas de incisão são desenhadas. Nos casos em que há necessidade de realizar uma pequena lipoaspiração antes da retirada da pele, é feita um pequeno corte em cada axila para a introdução da cânula.

Em seguida, há a retirada da pele em excesso, que pode ser realizada através de duas técnicas diferentes. Nas pacientes com pouca flacidez de pele, é feita uma incisão próxima à prega axilar, deixando uma cicatriz pequena e que se confunde entre os sulcos já existentes na axila. Nos casos em que há grande flacidez de pele, é necessário um segundo corte, que se estende verticalmente na parte interna do braço.

Pós–Operatório

Para se obter os resultados desejados, é importante que todas as recomendações pós-operatórias sejam seguidas à risca.

Durante o pós-operatório podem ocorrer edemas (inchaço) e equimoses (áreas avermelhadas), e tais sintomas desaparecem em alguns dias. Um analgésico será receitado para os casos de dor. É preciso tomar muito cuidado com a cicatriz, pois os movimentos inevitáveis do braço exercem tração e podem alargá-la. Deve-se evitar levantar os braços por 21 dias, além de não realizar esforços e exercícios físicos e não dirigir pelo mesmo período.

Os pontos são retirados no período entre sete e quinze dias após o procedimento. As atividades normais podem ser retomadas depois duas a três semanas e exercícios físicos são liberados depois de dois meses.

Quer saber realmente a melhor maneira de descobrir as respostas relacionadas sobre dermolipectomia, plástica no braço, remover flacidez de braços?

Agende uma consulta com o cirurgião plástico. Ele é a pessoa mais qualificada para analisar o seu caso, porque cada organismo responde de maneiras diferentes aos procedimentos de cirurgia plástica, cirurgia estética e tratamento dermatológico. O cirurgião plástico é quem encontra a melhor forma de solucionar a sua queixa, desconforto ou constrangimento em relação a sua aparência. É no consultório que todas as dúvidas são esclarecidas, além de ser o lugar em que paciente e cirurgião plástico chegam num consenso sobre a cirurgia plástica escolhida, as melhores técnicas, as precauções, se é recomendada realmente a cirurgia. Mas se a sua pergunta sobre determinada técnica não for pessoal e puder ser respondida via e-mail, estamos dispostos a respondê-la por meio do endereço: [email protected]


Especificações
  • Anestesia: local com sedação ou geral
  • Duração da cirurgia: entre 2 a 3 horas
  • Tempo de internação: entre 12 e 24 horas
  • Pré-operatório: realização de exames laboratoriais e suspensão do uso de medicamentos como, por exemplo, anticoagulantes
  • Pós-operatório: uso de cinta cirúrgica durante, pelo menos, um mês
  • Tempo de recuperação: duas a três semanas
Consulta e informações

(011) 5539-1811

Agendar consulta
Montenegro na mídia
Veja Mais
Montenegro Cultural
Montenegro Cultural

O espaço destinado à difusão e estímulo da cultura, sobretudo quando é divulgada por meio das artes e da ciência - o projeto é desenvolvido e mantido pela Clínica Montenegro.

Bela Ação
Bela Ação

Como a missão de apoiar e dar visibilidade a Organizações Não Governamentais (ONGs) de pequeno porte, alavancando o desenvolvimento dos trabalhos à comunidade - o projeto é desenvolvido e mantido pela Clínica Montenegro.Saiba mais